Mostra Cinema e Negritude no 24º Festival de Cinema de Vitória

0 21

De olho na importância de disseminar a memória e a cultura afro-brasileiras, o 24º Festival de Cinema de Vitória consolida uma janela exclusiva para filmes que abordam questões do povo negro. A Mostra Cinema e Negritude, inaugurada em 2016, volta fortalecida à programação deste ano, que acontece entre os dias 11 e 16 de setembro, no Teatro Carlos Gomes. Para esta edição, foram inscritas 147 obras, e os selecionados serão conhecidos no dia 2 de agosto.

Embora o Brasil tenha a segunda maior população negra no mundo fora da África, ainda é muito nítido, infelizmente, que os negros ainda enfrentam uma intensa batalha por representatividade nos diversos âmbitos da sociedade, entre eles a arte.  A mostra contribui para revelar a força da produção artística e da estética negras, que, com o incansável esforço dos realizadores têm crescido no país, apesar dos escassos lugares de fala.

Em seu ano de estreia, a Mostra Cinema e Negritude exibiu cinco curtas-metragens com propostas temáticas engajadas, que retratam impasses e conquistas dos negros no Brasil. O grande vencedor do Troféu Vitória, concedido pelo Júri Popular, foi “Cinzas”, de Larissa Fulana de Tal. Adaptação do conto homônimo de Davi Nunes, o filme acompanha a rotina de ônibus lotado, descrença nos estudos, falta de grana e solidão de Toni, jovem negro universitário que trabalha como operador telemarketing em Salvador.

Uma realização da Galpão Produções e do Instituto Brasil de Cultura e Arte (IBCA), o 24º Festival de Cinema de Vitória acontecerá entre os dias 11 e 16 de setembro, em Vitória-ES, e conta com o patrocínio do Ministério da Cultura através da Lei de Incentivo à Cultura, da Petrobras, da Cesan e da Rede Gazeta, com o apoio institucional da Secretaria de Estado da Cultura do Espírito Santo, da Prefeitura de Vitória e do Canal Brasil.

Leave A Reply

Your email address will not be published.